Será que preciso mexer no meu queixo?

O atual padrão de beleza impõe modelos de corpos que, quando não adquiridos, naturalmente, pela ajuda genética, ou após horas e horas de atividades físicas e outras alternativas, são alcançados por intervenções cirúrgicas estéticas, que geram novas formas, remodelagens, aumentam ou reduzem volumes e, com isso, promovem o bem-estar e mais qualidade de vida.
Com relação ao rosto, o cenário não é tão diferente. Não só é possível corrigir as imperfeições, mudar o tamanho e conquistar uma relação mais harmoniosa entre as estruturas faciais, conforme desejado, como os estudos deixam disponíveis diversas técnicas diferenciadas que possibilitam essas e outras alterações cada vez mais com melhores resultados.
Uma cirurgia muito comum é a mentoplastia, também chamada de cirurgia do queixo, do contorno cervical ou genioplastia. O procedimento altera as formas do queixo (mento), quer para aumentá-lo, quer para diminuí-lo, de maneira a obter uma harmonização do terço inferior da face. O resultado mostra, principalmente, uma melhora do perfil. Observa-se que homens e mulheres com idades entre 20 e 40 anos são os que mais procuram essa operação.
Apesar de o objetivo, em geral, ser estético, a indicação da mentoplastia não é para qualquer pessoa. O ideal é que seja feito a partir da adolescência apenas naqueles que apresentam queixas a respeito da aparência do terço inferior da face (pescoço e queixo). Ao lado disso, deve haver também uma opinião de um cirurgião plástico, que após avaliação clínica do paciente poderá dizer se esse é o passo mais adequado. Em resumo, o especialista deve aceitar fazer em quem realmente precisa dessa mudança, se ela realmente for para atender aos anseios do paciente. Importante deixar claro que, como em toda cirurgia, há riscos.
A anestesia usada é local, associada à sedação, mas pode ser geral, a depender de cada paciente. O médico faz uma pequena incisão na parte inferior da reflexão da mucosa oral. O paciente recebe alta no mesmo dia. O pós-operatório é considerado bem tranquilo: os cuidados são mais direcionados com a alimentação, recomendando-se evitar alimentos que possam deixar resíduos, visto que o corte é feito por dentro da boca.
Os implantes são confeccionados sob medida para o paciente, até porque o objetivo é tratar individualmente cada queixa. Visivelmente há uma melhora global do perfil facial, com a harmonização dos três terços da face. Os resultados, via de regra, são muito satisfatórios e isso representa uma melhora da autoestima.

Saiba mais sobre o Dr. Cesar Daher

O cirurgião plástico é membro titular da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP); membro da Associação Brasileira da Cirurgia de Restauração Capilar (ABCRC); membro da American Society of Plastic Surgeons (ASPS); coordenador do Departamento de Eventos Científicos Regional Centro-Oeste; e preceptor do programa de especialização em Cirurgia Plástica do Hospital Daher Lago Sul, Brasília-DF.

Saiba mais sobre a Clínica Costa Daher

A Clínica Costa Daher está localizada no Centro Médico Lúcio Costa, na SGAS 610/611 Sul. A clínica foi inaugurada em março de 2016 e conta com 100 m2, distribuídos entre recepção, consultórios, administração e sala de procedimentos. No local, são oferecidos clínico, cirúrgico e procedimentos estéticos. A nova clínica é a realização de um sonho e foi planejada com foco no conforto do paciente, em primeiro lugar. O objetivo principal é fazer com que ele se sinta dentro da própria casa.
 

Confira nossas últimas notícias